Perfil Corporativo

A Jalles Machado S.A. é uma companhia diferenciada no setor, diversificada na produção de açúcar e álcool, cogeração de energia elétrica, levedura, produtos sanitizantes, levedura e látex. Na área agrícola, a constante busca pela redução nos custos, alcançada devido ao canavial 100% próprio, uso intensivo da mecanização e irrigação, e cogeração, é uma de suas principais carácterísticas. Do lado do produto, a Companhia busca se diferenciar com produtos de maior valor agregado.

O açúcar, produzido sob a marca própria Itajá, atende ao mercado nacional e internacional com o açúcar VHP, cristal e orgânico, este exportado para mais de 20 países. Os dois últimos produtos possuem diferenciais de preço importantes se comparados ao açúcar VHP e obedecem a diferentes certificações, que permitem à Companhia atuar em diversos segmentos no mercado local e internacional.

A Jalles Machado é atualmente o segundo maior produtor do mundo de açúcar orgânico e maior exportador do produto para o mercado norte-americano. Na safra 2016/17, foram produzidas aproximadamente 65 mil de toneladas de orgânico, com a possibilidade de se atingirem 80 mil toneladas na safra 2017/18. Já o açúcar cristal da marca Itajá, foi apontado pela conceituada revista SuperVarejo, como o segundo açúcar mais vendido nas regiões Centro-Oeste e Norte-Nordeste, sendo o quinto no Brasil.

Em Etanol, a Jalles Machado produz etanol anidro e hidratado, além de produtos de limpeza para o mercado interno, produzidos na fábrica instalada na Unidade Jalles Machado (UJM). A forte operação de cogeração de energia permite às duas unidades, Jalles Machado e Otávio Lage (UOL), a autossuficiência em energia, exportando em torno 60% do total produzido via contratos de longo prazo ou mercado à vista. A Jalles Machado é proprietária de 100% da cogeração de energia na UJM e de 35% da Codora Energia, localizada no mesmo parque industrial da UOL. A venda de energia melhora a estabilidade e previsibilidade do fluxo de caixa e é estratégica para a Companhia, pois praticamente toda a receita é incorporada ao EBITDA, dado que os custos e despesas operacionais são marginais. 

A localização dos ativos é outro importante diferencial. A proximidade das plantas permite a captura sinergias de custo, vendas e despesas administrativas, além de otimizar o uso de equipamentos agrícolas. Com as duas unidades no estado de Goiás, a Companhia atende aos mercados consumidores do centro-oeste e norte-nordeste com menor custo de frete e de forma mais competitiva, localidades menos exploradas e que têm mostrado taxas de crescimento superiores à média do País.

O governo estadual ainda concede determinados benefícios fiscais que contribuem para margens mais elevadas.

Em Goiás, o custo de expansão da área de plantio tende a ser menor quando comparado às regiões de cultivo de cana mais tradicionais, como o interior do estado de São Paulo. Por último, com a finalização das ferrovias Norte-Sul e Oeste-Leste, a Jalles Machado ainda se beneficiará da proximidade de um importante corredor para exportação de seus produtos, principalmente via Porto do Itaqui, localizado na cidade de São Luís/MA. 

Dado que cerca de 70% dos custos de produção estão relacionados ao campo, a Companhia, ao longo de sua história, procura anualmente reluzi-los por meio de uma agricultura cada vez mais eficiente. A Jalles Machado fez, nos últimos anos, investimentos relevantes para reduzir a idade média do canavial, o qual, sendo 100% próprio, mitiga por sua vez o risco de suprimento e aumenta o controle de qualidade do canavial. Colheita e plantio 100% mecanizados refletem, principalmente, no aumento da produtividade e redução de custos com a lavoura.

Para a Jalles Machado, um dos principais diferenciais na agricultura é a irrigação. Nos últimos anos, os investimentos se concentraram em dois tipos: irrigação de salvamento, que cobre 40% dá área de corte e serve como seguro frente às adversidades climáticas; e irrigação plena, que aumenta a produtividade do canavial e a vida média da planta, diluindo o custo de plantio por um período maior.

A Companhia conta ainda com técnicas sustentáveis de manejo agrícola, com o uso de maquinários e tecnologia de ponta, além do grande esforço para aumentar o número de variedades de plantas, por meio de parcerias com o IAC, CTC, Ridesa e outros institutos. Atualmente, são mais de 40 variedades de cana adaptadas ao clima e solo da região, com maior produtividade e resistência climática e a doenças.

Em relação à governança corporativa, a Jalles Machado buscou, desde sua criação, se diferenciar neste quesito. A Companhia trabalha seguindo os mais elevados padrões de governança, com alta disciplina financeira e de gestão de risco. Estão instalados os comitês de finanças, comercial e de sustentabilidade, os dois primeiros contam com assessorias externas de renome nacional e internacional, reunindo-se mensalmente a fim de traçar estratégias e discutir o panorama dos mercados.

A Jalles Machado é auditada, desde 1987, por uma das “Big Four”, além de contar com um time de gestão experiente, qualificado e reconhecido pelo mercado, departamento de Relações com Investidores 100% dedicado e publicação do seu rating corporativo por duas das principais agências de risco mundiais.

A eficiência operacional e a obsessão da Administração pela redução de custos estão refletidas em diversos indicadores operacionais da Companhia. A elevada produtividade agrícola, comercialização de produtos com maior valor agregado e seu time de gestores experientes, que atua com disciplina no gerenciamento de riscos, fazem da Jalles Machado um player diferenciado dentro do setor sucroenergético nacional.

RECEBA NOVIDADES

Preencha corretamente os campos em vermelho.

Seus dados foram enviados com sucesso.

https://www.jallesmachado.com/ri/